top of page

Clara de Cápua é artista e seu trabalho se desenvolve entre as artes da cena e as artes visuais. Doutoranda em Artes Plásticas pela Universidade do Porto, Portugal, Mestre em Artes (2010) e Bacharel em Artes Cênicas (2006)  pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP, Brasil). Trabalhou como atriz por diversos anos, atuando em peças de teatro e em um filme. Em 2017, passou a se dedicar às artes visuais, sobretudo através do desenho, da pintura, da gravura, da videoarte e da intervenção sobre fotografia. Participou de exposições coletivas nacionais e internacionais. A observação da realidade e sua representação são o ponto de partida de seu trabalho. Através do isolamento de objetos e figuras em geral, explora temas como a ação do tempo, a tensão entre presença e ausência e uma possível pulsão narrativa na imagem. Possui obra no acervo público do Museu da Diversidade Sexual, em São Paulo. Participou de duas residências artísticas internacionais, uma na Macedônia do Norte (2017) e outra na Islândia (2018-2019). Seus vídeos foram exibidos no Brasil, na Alemanha, na Islândia, na Romênia, em Portugal e no Irã. Nasceu no interior de São Paulo, em 1984, mas foi criada no Mato Grosso do Sul, onde aprendeu a desenhar com sua mãe.

curriculum vitae

FORMAÇÃO ACADÊMICA
atual     Doutorado em Artes Plásticas (em curso)
               Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto - FBAUP, Portugal


2010      Mestrado em Artes
               Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP, Brasil.                                    
               Bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
 
2006      Bacharelado em Artes Cênicas
               Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP, Brasil.

ARTES VISUAIS

BIENAIS E SALÕES
2023      Bienal de Arte Contemporânea da Maia 2023. Curadoria: José Maia. Fórum da Maia, Maia, Portugal.
2022      XXII Bienal Internacional de Arte de Cerveira. Fundação Bienal de Cerveira, Vila Nova de Cerveira, Portugal
2020      16º Salão Nacional de Arte Contemporânea de Guarulhos. CME Adamastor, Guarulhos, Brasil.
 
MOSTRAS E FESTIVAIS
2023      XIX Congrès Internacional de l’ARIC e II Congrès International de l’ÉDIQ. Quebec, Canadá.

2021      Paadmaan Video Event #2. Sharif Gallery, Teerã, Irã.
2021      WATERPIECES – International Video and Contemporary Art Festival. NOASS Art Centre, Riga, Letônia.
2020     SIMULTAN Festival – UNSEEN. Asociatia Simultan, Timișoara, Romênia.
2019      III Mostra Diversa. Museu da Diversidade Sexual, São Paulo, Brasil.
2019      Skammdegi Festival. Listhús Artspace, Ólafsfjörður, Islândia.
 
EXPOSIÇÕES COLETIVAS

2023      Ar: Acervo rotativo. Curadoria: Laerte Ramos. LUX Espaço de Arte. São Paulo, Brasil.

2023      Formatos em vídeo. Curadoria: Fabiano Fernandes. Fábrica Behring. Rio de Janeiro, Brasil.

2023      Pequenos Formatos. Curadoria: Fabiano Fernandes. Ateliê Galeria FFAC. Porto, Portugal.
2023      Praxis/Deixis. Curadoria: Pedro Augusto. Museu da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Porto. Portugal.
2022      Do traçado da linha à superficialidade. Curadoria: Vinicius Spricigo. LONA Galeria. São Paulo. Brasil
2022      Desconhecido. LONA Galeria. São Paulo, Brasil.
2021       1ª Coleção. Anexo LONA. São Paulo, Brasil.
2021       Identidades Vernaculares. Curadoria: Eder Ribeiro. Casa Contemporânea. São Paulo, Brasil.
2021       Acervo Aberto II. LONA Galeria. São Paulo, Brasil.
2021       Cadernos de Artista. Curadoria: Eder Ribeiro. Anexo LONA. São Paulo, Brasil
2020      Corpo Brasileiro #3. Curadoria: Petr Hošek. Mala Voadora, Porto, Portugal.
2020      Corpo Brasileiro #2. Curadoria: Petr Hošek. Hošek Contemporary, Berlim, Alemanha.
2020      Quase Fim. Anexo LONA. São Paulo, Brasil.
2020      Empena na Quarentena. LONA Galeria, São Paulo, Brasil.
2020      Imersão em processo... Atelier Piratininga, São Paulo, Brasil.
2019       Looking for someone. Curadoria: Ivi Brasil. LONA Galeria, São Paulo, Brasil.
2019       Teerã-São Paulo. Curadoria: Ivi Brasil e Foad Alijani. Platform 3, Teerã, Irã e LONA Galeria, São Paulo, Brasil.
2019       Dá pra levar. Anexo LONA, São Paulo, Brasil.
2019       De 100 a 1000. New Gallery, São Paulo, Brasil e Galeria Poente, São José dos Campos, Brasil.
2017       Our Small Global Neighborhood. Cultural Centar Gjorce Petrov, Escópia, Macedônia do Norte.

 
COLABORAÇÃO EM EXPOSIÇÃO
2021      Tra(u)ma, de Gustavo Aragoni. Casarão Brasil, São Paulo, Brasil
2018      AI-5 Ainda Não terminou de Acabar. Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil.
2016      Desenhos de Cena #1 – Water Banquet. SESC Pinheiros, São Paulo, Brasil.
 
EXPOSIÇÕES, MOSTRAS E FESTIVAIS VIRTUAIS
2020      Queerentena. Museu da Diversidade Sexual, São Paulo, Brasil.
2020      FRESTA – Mostra de Audiovisual Experimental. Universidade Estadual do Rio Grande, Rio Grande, Brasil.
2020      Festivau de C4nn3$ - A Marcha Audiovisual. São Paulo, Brasil.
2020      Casulo (Capullo/Coccon). Confluências de Arte. Argentina.
2020      2º Festival Imaginários Urbanos: Cidades Utópicas. Festival de Performance Urbana do Ceará, Fortaleza, Brasil.
 

RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS

2023     ZSenne art lab, Bruxelas, Bélgica.
2019      Skammdegi AiR, Ólafsfjörður, Islândia.
2017      Brashnar Creative Project, Escópia, Macedônia.       
 
PRÊMIO
2019      Terceiro Lugar na exposição coletiva De 100 a 1000. New Gallery, São Paulo, Brasil.

 

ACERVO PÚBLICO

MDS – Museu da Diversidade Sexual. São Paulo, Brasil


ARTES CÊNICAS
CINEMA / Interpretação

2017      As Boas Maneiras
              Direção: Juliana Rojas e Marco Dutra.
 
TEATRO / Interpretação
Contos de Papel: Histórias da Floresta
Espetáculo infantil virtual realizado em parceria com Isis Madi // Prêmio Aldir Blanc 2020, com temporada online, 2021; Temporada Palco Virtual, Itaú Cultural, 2021; Prêmio ProAC Licenciamento 2022, com temporada virtual na Plataforma #CulturaEmCasa, 2023.
 
Acusação a uma atriz
MiniCia Teatro // Direção: Mariza Junqueira // Temporada no Teatro de Contêiner Mungunzá, São Paulo, 2017; 11º Festival Nacional de Limeira, 2015; 21º Festival Nacional de Presidente Prudente, 2014, entre outros.
 
Melhor não incomodá-la
MiniCia Teatro // Direção: Giuliano Tierno // Temporada no Teatro Paulo Eiró, São Paulo, 2009; Temporada no Centro Cultural São Paulo, São Paulo, 2009.
 
O barulho indiscreto da chuva
Cia. Corpos Nômades // Direção: João Andreazzi. Prêmio Funarte Klauss Vianna 2007; Temporada no espaço O Lugar, São Paulo, 2008.

Vai e Vem
Cia. Ápnéia de Teatro // Direção: Moacir Ferraz. // Espaço Cênico Débora Duboc, Ribeirão Preto, 2007; 7º Festival de Cenas Curtas – Galpão Cine Horto, Belo Horizonte, MG, 2007.
 
Intersecções – Peças Curtas de Harold Pinter
Cia. Apnéia de Teatro // Direção: Marcelo Lazzaratto // Projeto Encenações – SESI – SP com apresentações em cidades de Santo André, Araraquara, Franca, Osasco, Santos Mauá, Rio Claro, Birigui e Piracicaba, 2005.
 
Catléia
Cia. Apnéia de Teatro // Direção: Verônica Fabrini // Mostra Paralela do XIV Festival Internacional de Teatro de Curitiba, 2005; X Festival Nacional Curta Teatro de Sorocaba, 2004
 
TEATRO / Preparação corporal
Super Popper
Grupo Ópalo (Peru) // Direção: Jorge Villanueva // Prêmio do Júri e Prêmio do Público no VIII Festival de Teatro Peruano Norteamericano, Lima, Peru, 2006.
 
PRODUÇÃO CULTURAL
Trabalhou junto à Périplo Produções, onde desenvolveu os seguintes projetos:
2018      Produção executiva do espetáculo A Ira de Narciso, de Sergio Blanco, dirigido por Yara de Novaes. Estréia na Mostra Oficial do Festival

               Internacional de Curitiba e Temporada no SESC Pinheiros, Brasil; entre outros.
2018      Produção executiva do espetáculo A Natureza do Esquecimento, do Theatre Re (Reino Unido), no SESC Santana, Brasil.
2015      Produção executiva da turnê do espetáculo A Costureira, de Gardi Hutter (Suíça), nos espaços culturais da CAIXA Brasília, Curitiba, Fortaleza e Recife, Brasil.
2014      Produção executiva da turnê do espetáculo Édipo, da Cia. do Chapitô (Portugal), nos teatros da CAIXA Cultural Fortaleza, Brasília, Rio de Janeiro  e Curitiba,   

              Brasil.
2013      Produção executiva do espetáculo Una Mañanita Partí... (Chile), na Mostra “O que é, o que é?”, realizada no SESC Belenzinho, São Paulo, Brasil.
              Produção executiva do espetáculo IKIRU – Um réquiem para Pina Bausch, de Tadashi Endo (Japão/Alemanha), na CAIXA Cultural Fortaleza e na CAIXA

              Cultural Recife, Brasil.
2012     Produção executiva do espetáculo El Olivo (Chile), no Mirada - Festival Iberoamericano de Artes Cênicas de Santos. Santos, Brasil, 2012.
             Assistência de Produção no festival Cena Brasil Internacional. São Paulo, Brasil.
 

PUBLICAÇÕES
2021      Capítulo Uma pedra é uma pedra é uma pedra: notas sobre o processo no livro Imaginários urbanos: cidades utópicas. In: Eduardo Bruno (Org.). Fortaleza:

              Expressão Gráfica, p.60-61. ISBN: 978-65-5556-193-7
2013      Capítulo Carla de Cápua publicado no livro Vozes das Artes Plásticas. In: Fabio Pellegrini; Daniel Reino. (Org.). Campo Grande: FCMS, p. 126-131.

              ISBN: 978-85-63709-27-1
2011      Artigo Imagens da MORTE no teatro de Tadeusz Kantor publicado na revista internacional :Estúdio: Artistas Sobre outras Obras, Ano II, Número III. Lisboa,

              Portugal. ISSN 1647-6158
2010     Artigo Francis Bacon e a dessemelhança da auto-representação publicado na Revista Internacional :Estúdio: Artistas Sobre outras Obras, Ano I, Número II.

              Lisboa, Portugal. ISSN 1647-6158
2010      Artigo A Teatralidade na pintura de Francis Bacon publicado na Revista Internacional :Estúdio: Artistas Sobre outras Obras, Ano I, Número I,

              Lisboa, Portugal. ISSN 1647-6158.
2009     Artigo A Figura baconiana e o corpo pós-dramático: a construção da presença como narrativa publicado nos anais do II Colóquio de Dramaturgia:

               Modalidades da Dramaturgia na Contemporaneidade. ISSN: 217-626-35
2009     Resumo expandido Ator colecionador de afetividades, publicado nos anais da V Reunião Científica da ABRACE. ISSN: 2176-9516

bottom of page